Tudo o que der na minha cabeça sobre toku, agora nesse blog!

O que esperar de Kamen Rider Wizard?

Nessa semana, as primeiras imagens e informações sobre o novo Kamen Rider desse ano foram reveladas. Até mesmo a conferência oficial para a imprensa japonesa foi feita e pudemos conhecer os poderes e roupas do novo herói.

Em Kamen Rider Decade, existia o seu Drive onde ele podia usar cartas. Em Kamen Rider W, existiam dois slots para usar as Gaia Memories (pen drives). Em Kamen Rider Ozu,  três Core Medals eram inseridas no cinto. E em Fourze, ele podia inserir 4 Switchs no Drive.  Por isso mesmo e pela lógica, o novo Rider teria 5 slots para poder trocar poderes ou formas.

E foi isso o que aconteceu, mas de uma forma diferente. Wizard não vai ter 5 cores diferentes ao mesmo tempo, a mudança de cor, de acordo com o poder utilizado, é no corpo todo.  Suas formas são: Flame Style, Water Style, Hurricane Style e Land Style.  Ainda existem outros anéis de suporte: Big, Copy e Connect Ring. Não se sabe exatamente o que o Connect fará, mas o Big pode aumentar uma parte do corpo de Wizard,  e o Copy cria cópias do herói – antigamente era um poder conhecido dos personagens de Dragon Ball, hoje em dia é mais lembrado como Kage Bunshin no Jutsu, do Naruto.

Decade não foi uma temporada da qual os fãs guardam boas lembranças, devido às mudanças na história dos Riders anteriores que apareceram durante a série e pelo roteiro sem pé nem cabeça. Mas, a partir de W, a Ishinomori Productions veio acertando a mão e produziu 3 boas séries.

A série Fourze, que ainda está em exibição, foi bem diferente das demais e mesmo assim mostrou que poderia ser boa, não seguindo os clichês do gênero. O Rider tem um traje branco, é um estudante, seus amigos da escola o ajudam a lutar e o tema principal é conhecer e explorar o espaço.

No entanto, Kamen Rider Wizard vai seguir um estilo mais padrão, o Rider voltou a ter roupa preta, terá apenas um poder ativo por vez e os personagens já são maiores de idade, portanto, não estão na escola.

O plot é novo, mas apenas para a franquia KR. Souma Haruto é um vem lutando pela paz no mundo matando demônios (lembrou de Devil May Cry ou Solomon Kane?). Ele conta com a ajuda de Koyomi, uma cartomante de saúde frágil que pode prever o futuro, mas sofre de pressão baixa.

Os demônios, que estão aterrorizando as pessoas são chamados de “Aparições”, eles nasceram de um ritual antigo, feito durante o eclipse solar. No início da série, não veremos quem é o responsável por esse ritual. Apenas saberemos que uma misteriosa maga branca dá os poderes de Wizard para Haruto (Será Magi Mother, de Magiranger? Hahaha… espero que não!).

Assim, Haruto acaba abandonado sua vida comum para encarar a missão a qual lhe foi confiado. O grande problema é que ele não sabe onde vai acabar, seguindo por esse caminho. Outros mistérios podem revelados durante a trama, inclusive de onde vem os estranhos poderes de Koyomi.

Herdando a idéia de Fourze, Wizard terá a ajuda de uma pessoa que irá desenvolver novos poderes para ele durante a série, assim como Kengo programava as novas Astro Switches na atual temporada. O grande criador dos anéis do Wizard é Shigeru Wajima. Apesar dele sempre estar criando novos poderes, ele não sabe exatamente quais são. Cabe ao Haruto servir de cobaia e testar os novos anéis.

Assim como em Kamen Rider W, teremos um oficial entre os personagens. Só que desta vez não será um policial, mas sim o detetive novato Daimon Riko. Daimon sabe dos casos de ataque feito pelos demônios e não entende porque a polícia não faz nada a respeito. Por causa disso, Daimon resolve ajudar Haruto a desvendar esses casos.

Para fechar a lista de personagens, temos o Shunpei Nara, é um homem jovem. Assim que conhece Haruto, ele resolve se tornar um mago também. No entanto, mesmo tentando ajudar, ele só atrapalha os outros. Quem sabe um dia ele não se torna mesmo um mago.

Esse plot da série abre um leque de possibilidades para um bom roteiro a ser desenvolvido. No entanto, a franquia há algum tempo já não apresenta tanta seriedade. Para atrair um público mais novo, os Kamen Riders estão mais infantilizados em relação à época de Kuuga, Ryuki, Agito, Faiz e Blade.Sabemos que quando a Toei apresentou um super sentai com o tema de magia, em Magiranger, o resultado não foi tão satisfatório. Agora, com um Rider mago, o que deveriamos esperar?

Espero que, como temos personagens mais velhos, uma trama cheia de mistérios e um rider com um visual mais pé no chão, tenhamos uma série levemente mais adulta. Personagens caricatos, estilo os que apareceram em  Fourze se foram – não que eles sejam ruins, mas parecem não caber numa série cheia de mistérios. Se a Toei souber trabalhar, poderá agradar ao público mais adulto também.

O diretor de Wizard é Shojiro Nakazawa, o mesmo responsável pelo sucesso de Gokaiger. Isso pode ser algo bom. Por outro lado, temos Kida Tsuyoshi como escritor da série, ele foi responsável pelo fiasco inicial de Kamen Rider Hibiki.

Pelo que vi até agora, a resposta dos fãs ao Wizard foram positivas. Mesmo tendo um visual bem original, usando anéis para lutar, com seu colete de ruby e sobretudo por dentro do cinto, a rejeição inicial dos fãs não foi maior do que foi com Fourze, W ou Den O.

Enquanto a Toei não liberar mais informações, continuaremos apenas cogitando possiblidades sobre Wizard. A série começará a ser exibida no canal Asahi no dia 2 de Setembro, no bloco Super Hero Time. E o cantor da abertura será Golden Bomber, o vocalista da banda Kiryuin Shou.

Maagi Magi Majiro para todos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s